Porteiro é preso acusado de facilitar a entrada de assassinos no Hospital Municipal de Brumado


Porteiro é preso acusado de facilitar a entrada de assassinos no Hospital Municipal de Brumado

Por: Redação da Rádio 88 FM

Um porteiro do Hospital Professor Magalhães Neto, em Brumado, foi detido apontado pelas investigações como cúmplice na invasão que culminou no homicídio de um paciente, identificado como Felipe Batista Lobo, de 27 anos. Em entrevista, o delegado titular na Delegacia Territorial de Brumado, Leonardo Soares, informou que, através das imagens de videomonitoramento do hospital, foi possível constatar que o porteiro, um jovem de 29 anos, indicou aos criminosos o local onde o paciente estava, que se tratava da sala de raio X. Em alguns vídeos também é possível captar os áudios e os mesmos comprovam a alegação. A Polícia Civil então representou pela prisão preventiva do porteiro, a qual foi decretada na quinta-feira (09) e concretizada nesta sexta-feira (10). Até o momento, segundo o delegado, o indivíduo se recusou a prestar qualquer esclarecimento sobre o fato. O porteiro já foi encaminhado ao Conjunto Penal de Brumado, onde encontra-se à disposição da justiça. Vale salientar que um dos criminosos que invadiu o hospital foi preso em flagrante, já o segundo elemento ainda não foi identificado e a polícia trabalha nesse sentido. O crime teria sido motivado por briga de facções rivais. O tenente-coronel Élcio Pereira, comandante do 24º Batalhão de Polícia Militar (BPM), já havia declarado sobre informações de dentro da unidade para ação de atiradores. Informações do site Achei Sudoeste.