Fala do Jornalista Raimundo Marinho


Fala do Jornalista Raimundo Marinho

Por: Redação do Jornal da 88

Jornalista RAIMUNDO MARINHO
Adaptação da fala na Rádio 88 FM, dia 30.10.2023

Destaques da semana Os assuntos mais falados dos últimos dias, em Livramento, foram a Residência Estudantil, em Vitória da Conquista, e o Povoado de Barrinha, que estariam abandonados pela gestão municipal. Diante da repercussão, inclusive na Câmara de Vereadores, o prefeito Ricardo Ribeiro acabou visitando os dois locais e prometeu rápida solução dos problemas apontados. Era o que se podia esperar do gestor, mesmo sabendo que é ano pré-eleitoral. Na Barrinha, ele deu boas notícias, como atender à reivindicação dos moradores para pavimentar ruas e construir uma praça. Certamente, também vai reparar o esgoto estourado, no centro do povoado! Ele confirmou a pavimentação da estrada que liga o povoado à sede municipal.  

Deu outra boa notícia Ricardo Ribeiro aproveitou para confirmar o asfaltamento, pelo Governo Estadual, da estrada que vai da Ladeira do Bonfim, na sede municipal, até a BA-148, no bairro Valérios, passando pelos bairros Recreio, Rua do Fogo e Rua do Areião. Embora já contratado pelo Estado, ele disse que o trecho da Rua do Fogo aos Valérios, passando por Rua do Areião, será feito pela Prefeitura. Explicou que a empresa contratada fará só até a entrada da Rua do Fogo, alegando que o trecho restante não permite cumprir as exigências técnicas da Seinfra (Secretaria Estadual de Infraestrutura), como largura, por exemplo. E que ali não há tráfego pesado. Não entendi, pois o trecho não é muito diferente dos demais, e pode ser alargado. Além disso, o tráfego pesado não poderia chegar no início da Rua do Fogo e voltar! Ou poderia? Teria sentido?

Certo no lugar errado A Prefeitura de Livramento está demolindo o velho Estádio Municipal Dr. Edilson Ribeiro Pontes, construído há 62 anos, pelo prefeito que lhe deu o nome. Será construída uma moderna praça de esportes, no local, com recursos do Governo Federal, em torno de R$3 milhões, através do Ministério da Cidadania, liberados pelo então ministro João Roma, no governo Jair Bolsonaro. O projeto é bonito! Porém, a meu ver, o local não é adequado para ele! Vai ficar muito apertado, pouco espaço para as torcidas e sem uma área adequada e suficiente para estacionamento. O prefeito Ricardo Ribeiro vai cometer o pior erro de planejamento urbano da sua gestão! O novo estádio deveria ser em espaço mais amplo e confortável! O atual foi feito quando o local ainda era roça. Bem diferente de hoje, a cidade não tinha nem 10 carros. Que, pelo menos, não mude o nome!

Para refletir Gosto de repetir que o mundo avançou muito, no sentido tecnológico, com destaque para as comunicações, acesso e troca de informações. Prova disso são a internet e a telefonia celular, com o iphone, ipad e tablet. Vivemos o mundo sofisticado e veloz dos computadores, da fotografia digital, wise up e redes sociais. Bem além da aldeia global preconizada pelo professor canadense Marshal MacLuhan. É uma realidade encantadora, que não se esperava chegasse tão cedo. Essa tecnologia está a serviço do que necessitamos fazer no dia-a-dia. A vida ganhou mais velocidade! Até parece que o tempo é multiplicado, pois podemos fazer muito mais coisas no dia. E reflete também nos estudos científicos, para soluções no mundo da matéria, como também nas questões da espiritualidade, do que se chama de paranormalidade. 

Estamos em transição, buscando aprofundar os significados da alma, do espírito e da realidade de Deus. A pregação tradicional da fé está sendo ampliada pela exigência do próprio homem, sacudido pela necessidade de ver o Criador. Entramos no tempo do Espírito de Deus, em que é obrigatório o mergulhar do universo da espiritualidade, embora nossa pequenez ainda impeça a visão plena do que seja Deus. Ninguém vai mudar e muito menos apagar a importância e o significado de Deus em nossas vidas! Nem o Papa! O mundo não é mais e nem maior que Deus! Para ver isso, dê uma espiadinha no mundo dos espíritos, como Jesus mostrou, em rápido flash, a João, Tiago e Pedro, na Transfiguração, lá no Monte Tabor. Cristo abriu as portas para essa nova visão da existência humana, antes perdida no viver mundano. Vamos aproveitar o novo tempo e abrir nossa alma e ver o quanto Deus é real. Pensem nisso!