15 anos sem Dom Hélio Paschoal o primeiro Bispo da Diocese de Livramento


15 anos sem Dom Hélio Paschoal o primeiro Bispo da Diocese de Livramento

Por: Redação do Jornal da 88/Fotos e informações do Mandacaru da Serra

Como bem retratou o site Mandacaru da Serra na época, uma multidão de fiéis circulou pela Catedral de Livramento de Nossa Senhora, durante dois dias, para dar seu último adeus ao bispo que foi sepultado no interior da Catedral, no dia 25 de novembro de 2005, após concelebração eucarística, de corpo presente, dirigida pelo arcebispo metropolitano Geraldo Lírio Rocha, de Vitória da Conquista, coadjuvado por cinco bispos diocesanos, entre eles Dom Armando Bucciol, que já estava a frente da diocese. Dom Hélio vinha com a saúde precária há muito tempo e faleceu, dia 21 de novembro daquele ano, na cidade de Campinas-SP, após se submeter a uma delicada intervenção cirúrgica, sendo o corpo trasladado para Livramento dia 23, onde foi velado com todas as honras eclesiásticas. São 15 sem Dom Hélio Paschoal o primeiro Bispo da Diocese de Livramento, ele que exerceu seu pastoreio por 36 anos e, ao completar a idade limite para o exercício da função, afastou-se por renúncia. Em seu lugar, assumiu o atual bispo, Dom Armando Bucciol, de nacionalidade italiana, mas há 13 anos no Brasil, que tomou posse em 18 de abril de 2004 como o segundo bispo da diocese. Dom Hélio, entretanto, permaneceu na diocese, como bispo emérito, ele entrou para a história da Igreja de Livramento, como primeiro titular da diocese local, onde realizou trabalho desbravador. Na época, participaram das exéquias, padres, diáconos e outros representantes das várias paróquias que compõem a Diocese. Alguns leigos que participaram desse momento relatam que chovia muito nesse dia, tendo que ser realizada a celebração dentro da catedral.